Loading...
X
Ligue-nos! +351 214 100 480 | alterstatus@gmail.com

Stresse pós trauma

Trauma psicológico e Perturbação Pós Stress Traumático – Consulta específica para situações após um evento traumático. Avaliação, Intervenção e Acompanhamento psicoterapêutico (crianças, jovens, adultos e idosos). Avaliação psicológica específica de perturbação pós stress traumático.

Consulta de Trauma

De todos os estados psicológicos, aqueles que estão ligados aos quadros de ansiedade e stress são os que mais dependem de acontecimentos externos. O trauma psicológico é a verdadeira expressão desta afirmação. Após um evento forte, que seja percepcionado pelo indivíduo com terror e o sinta como ameaçador para si e/ou para outros, podem desenvolver-se sintomas que oscilam entre o desconforto ligeiro à total incapacidade de estar consigo ou em sociedade. Assim, após eventos como acidentes de trânsito ou de trabalho, assaltos violentos, homicídios, desastres, guerras, catástrofes, agressões, o ser humano pode sentir-se em “choque” psicológico, afectando as suas capacidades de descanso, sono, atenção, alimentação, e realização da vida quotidiana.. Apesar da normalidade de alguns destes sintomas após um evento deste tipo, a intervenção psicológica ajuda a diminuir o desconforto e o stress associado.

Falamos de Perturbação Pós Stress Traumático (PPST) quando as consequências psicológicas de um evento se prolongam no tempo, mais do que um mês, podendo no entanto haver um início retardado (quando os sintomas apenas se manifestam dias ou meses após o evento). Nesta situação é essencial que a pessoa seja acompanhada por psicologia e psiquiatria.

A consulta de trauma é abrangente a todas as idades. O trabalho com crianças é, naturalmente, adaptado aos seus estados de desenvolvimento e ao seu modo muito próprio de vivenciar os eventos traumáticos. Para além dos exemplos supracitados, a separação dos pais, a entrada para a escola, uma consulta médica ou uma briga entre colegas são situações que, se não forem compreendidas pela criança podem, também, tornar-se traumáticas e devem merecer atenção por parte de professores, pais e técnicos.
As técnicas psicológicas usadas na consulta do trauma são dirigidas a essa problemática. Pretende-se prioritariamente gerir os sintomas, contribuindo para o aumento gradual de bem-estar.

Referências de apoio:
http://www.trauma-pages.com/
http://www.healing-arts.org/tir/gerald/location.htm
http://www.ncptsd.org

Bruno Almeida de Brito



Voltar